Casos registrados "Neoplasias Da Medula Espinal"
(Traduzidos do inglês com Altavista Babel Fish)

Filtrar por palavras-chave:



Obtendo documentos. Espere, por favor...

1/1632. Astrocytoma de Cervicomedullary que simula uma desordem neuromuscular.

    Um macho dos anos de idade 12 desenvolveu a fraqueza proximal progressiva da extremidade superior sobre uns 3 - ao período de 4 anos. Os resultados clínicos da fraqueza proximal e a atrofia da extremidade superior, voar scapular proeminente, e nenhum deficit sensorial ou sinal superior do neurônio de motor sugeriram uma desordem neuromuscular. A electromiografia era consistente com uma desordem denervating crônica que envolve as pilhas de chifre anterior cervicais superiores ou seus axónio. Uma imagem cervical da ressonância magnética revelou uma grande massa intramedullary que estende do aspecto inferior do quarto ventrículo para baixo ao nível de T2. Uma biópsia da lesão era consistente com um astrocytoma low-grade. ( info)

2/1632. A pressão intracranial aumentada associou com os tumores da medula espinal.

    Duas caixas do tumor da medula espinal associado com a pressão intracranial aumentada são relatadas e os 44 casos descritos na literatura são revistos. As hipóteses diferentes produzidas para explicar o mecanismo patogénico desta síndrome são discutidas. Nós pensamos que diversos fatores que trabalham junto, um pouco do que um mecanismo isolado, participam na produção desta síndrome. ( info)

3/1632. Aproximação anterior ao hemangioblastoma intramedullary: relatório do caso.

    OBJETIVO E IMPORTÂNCIA: Os tumores Intramedullary da medula espinal são operados geralmente sobre usando a aproximação do posterior. Entretanto, a aproximação do posterior não pode ser apropriada para um tumor na parte anterior da medula espinal. Neste relatório, nós descrevemos um exemplo de um tumor intramedullary cervical que seja removido com sucesso usando a aproximação anterior. APRESENTAÇÃO CLÍNICA: Uma mulher dos anos de idade 48 apresentou com mais baixos distúrbio do nervo craniano e fraqueza de motor das extremidades superiores. A imagem latente de ressonância magnética revelou uma grande siringe extensiva e um tumor realçado intramedullary a nível C6. O tumor foi encontrado à esquerda da parte anterior da medula espinal. INTERVENÇÃO: Baseado nestes resultados, a aproximação anterior foi usada em executar um corpectomy do C5 e do C6. O tumor era altamente vascular e resected sem tendo por resultado todos os deficits operativos. O diagnóstico patológico era hemangioblastoma. CONCLUSÃO: O caso atual sugere que a aproximação anterior seja uma opção importante entre aproximações cirúrgicas ao tumor intramedullary nos casos em que os tumores são pequenos no tamanho e são ficados situados na parte anterior do cabo cervical. ( info)

4/1632. Um exemplo do neurinoma laríngeo com neurofibromatosis 2.

    Nós apresentamos um exemplo de um neurinoma laríngeo em um paciente com neurofibromatosis 2. Um homem dos anos de idade 39 apresentou a nosso hospital com as queixas múltiplas que incluem a perda da audição bilateral progressiva, a vertigem, a dispnéia, a disfagia, e uma história de 9 anos da mais baixa fraqueza direita do pé. A imagem latente de ressonância magnética demonstrou as lesões múltiplas que incluem tumores bilaterais do ângulo do cerebellopontine, um tumor do magnum dos contramestres, tumores múltiplos da medula espinal, um tumor laríngeo, e diversos tumores retrocervical. A laringoscopia fibróptico revelou um grande tumor supraglottic submucosal. O tumor laríngeo foi visualizado com microlaryngoscopy e extirpado com um laser de KTP dirigido através de uma fibra de quartzo. ( info)

5/1632. ependimoma reproduzindo-se por metástese Extraneural da medula espinal.

    Este papel relata um exemplo da entidade rara de um ependimoma reproduzindo-se por metástese extraneural da medula espinal. O tumor que se levantou nos medullaris da zona continental dos estados unidos e no equina da cauda foi diagnosticado primeiramente em 1956 em que um myeloresection thoracolumbar foi executado. Na autópsia, 40 anos após o diagnóstico preliminar, um retorno local maciço do tumor com metástases extraneural nos pulmões, a pleura, o fígado, e os nós de linfa torácicos e abdominais foram encontrados. As manchas de Immunohistochemical das metástases extraneural mostraram uma expressão cytoplasmatic forte da proteína ácida fibrillary glial (GFAP). Nem o tumor preliminar nem suas metástases mostraram alguns dos critérios morfológicos convencionais da malignidade. Revendo a literatura nós discutimos o mecanismo possível da propagação extraneural do tumor e a incidência das metástases no que diz respeito ao tipo do tumor. ( info)

6/1632. Quisto Dermoid com o intervalo cutâneo da cavidade complicado com abcesso subdural espinal.

    O abcesso subdural espinal causado pela propagação da infecção com o intervalo cutâneo da cavidade é raro nas crianças. Este artigo relata em um macho de um ano com febre prolongada, paraplegia progressiva, e deficiência orgânica das entranhas e da bexiga resultando de um abcesso subdural espinal secundário a um quisto dermoid espinal contaminado com um intervalo cutâneo da cavidade. Este é o paciente o mais novo a ser relatado tendo esta circunstância. A intervenção cirúrgica foi executada para encontrar um tumor que tivesse índices da cápsula e do keratinlike. A cultura do abcesso era positiva para o vulgatus de escherichia coli e de bacteróide. Recebeu 6 semanas do tratamento antibiótico parenteral. Este paciente ilustra a importância da examinação radiológica urgente, do resection cirúrgico imediato, e da terapia antibiótica apropriada para o abcesso subdural espinal. ( info)

7/1632. Melanocytoma preliminar que levanta-se da caixa torácica dos leptomeninges.

    O melanocytoma preliminar que levanta-se dos leptomeninges da medula espinal é muito raro. Um espécime cirúrgico de um tumor meningeal torácico resected de uma mulher que dos anos de idade 75 a queixa do distúrbio do porte foi investigada. A imagem latente de ressonância magnética e o myelography mostraram um mudo-sino-tipo tumor no espaço subdural nas as a as vértebras torácicas. O tumor resected subtotally por causa da adesão ao lamina e à medula torácica. O tumor preto localizado, gelatinoso mostrou uma margem bem definida sem disseminação ou infiltração. O tumor teve uma cápsula fina e foi compor da proliferação contínua de melanocytes neoplásticos. Nem a formação do whorl nem os focos de núcleos palisaded forams. As pilhas neoplásticas sido de dois tipos principais: um tipo epitelióide ou polygonal-dado forma e um tipo spindle-shaped, e tiveram um grande núcleo, um nucleole proeminente, a cromatina grosseira, e os melanina-pigmentos em seu citoplasma. Somente algumas figuras mitotic foram observadas. Eram positiva para a proteína HMB-45 e S-100. Este caso foi considerado ser melanocytoma preliminar que levanta-se dos leptomeninges torácicos. ( info)

8/1632. ganglioglioma em uma criança com tipo do neurofibromatosis - 2 da medula espinal. Relatório do caso e revisão de literatura.

    Gangliogliomas da medula espinal é as entidades raras da doença que ocorrem na infância adiantada. Sua ocorrência em colaboração com o tipo do neurofibromatosis - 2 (NF2) não foram descritos. Os autores descrevem o exemplo original de uma criança dos anos de idade 2 com stigmata de NF2 que abrigou um ganglioglioma que apresentasse como ràpida um crescimento, lesão maciça intramedullary exophytic da medula espinal na junção cervicomedullary. O tratamento consistiu no resection cirúrgico completo. A análise histopatológica da lesão demonstrou uma população misturada de pilhas neoplásticas, da linhagem neuronal e glial, que suportou o diagnóstico do ganglioglioma. ( info)

9/1632. Desenvolvimento de De novo de uma malformação cavernosa da medula espinal que segue a radiação espinal da linha central. Relatório do caso.

    A análise de relatórios recentes sugeriu que as malformações cavernosas (CMs) do cérebro pudessem ter uma patogénese adquirida e uma composição pathophysiological dinâmica, com aparência documentada de lesões novas em casos familial e depois da radioterapia. Os autores relatam o primeiro exemplo da formação demonstrada de de novo de um CM intramedullary que segue a terapia de radiação espinal. Um menino dos anos de idade 17 apresentou com insipidus do diabetes e atrasou a puberdade. A avaliação de níveis da glândula endócrina revelou o hypopituitarism, e a imagem latente da ressonância magnética (SR.) demonstrou uma massa infundibular. O paciente submeteu-se a uma craneotomia do pterional e a uma remoção de um germinoma infundibular. O SR. imagem da espinha demonstrou resultados normais. A terapia de radiação recebida paciente do craniospinal e jorrou. Apresentou 5 anos mais tarde com início agudo da dor traseira, a fraqueza e o numbness da baixo-extremidade, e a dificuldade com urination. Um SR. imagem obtida da espinha revelou uma lesão T-7 intramedullary; suas características de sinal eram consistentes com um CM. O paciente foi controlado inicialmente conservadora mas desenvolveu o myelopathy progressivo e a síndrome parcial de Brown-Sequard. Embora recebesse o descanso dos esteróides e de cama da elevado-dose, seus sintomas agravaram-se. Submeteu-se a um costotransversectomy e a uma excisão de uma lesão vascular hemorrágica através de um myelotomy anterolateral. Examinação patológica características confirmadas de um CM. O paciente fêz bem e estava andando sem auxílio dentro de 4 semanas da cirurgia. A génese de De novo do CMs pode ser associada com a terapia de radiação prévia à medula espinal. ( info)

10/1632. Quisto epidermóide Intraspinal que ocorre 15 anos após o reparo do lipomyelomeningocele. Relatório do caso.

    Os autores relatam o exemplo de um quisto epidermóide espinal que se torne em um paciente que se submetesse à cirurgia para o reparo do lipomyelomeningocele 15 anos mais adiantado. O paciente apresentou com sintomas de retethering. A imagem latente de ressonância magnética revelou uma massa intraspinal cística que estendesse de L-2 a L-5. A massa provou ser um quisto epidermóide. Os quistos epidermóides espinais podem causar retethering após um reparo do lipomyelomeningocele, e o risco deste desenvolvimento pode estar atual por décadas. ( info)
(Traduzidos do inglês com Altavista Babel Fish)| Próximo ->


Deixa uma mensagem sobre 'Neoplasias da Medula Espinal'


Não avalia ou garante a precisão de qualquer conteúdo deste site. Clique aqui para ler o termo de responsabilidade.