FAQ - Cardiopatia Reumática
(Powered by Yahoo! Answers)

pode existir cardiopatia reumática sem a existencia de febre reumática prévia?


por favor embasamento cientifico com fonte!!!
----------

A febre reumatica e produzida por uma bacteria conhecida como Streptococcus Beta Hemolitico do grupo A. Muito comum em pacientes com idade entre 5 e 15 anos, essa bacteria se aloja na faringe produzindo febre elevada (39 graus) dor de garganta, dificuldade e dor para engolir (disfagia e odinofagia) mal estar, adenopatias cervicais, geralmente nao acompanhado de sintomas catarrais.
Da faringe, essa bacteria pode chegar ao coracao, atraves da corrente sanguinea, alcançar as valvulas cardiacas (mitral, tricuspide, aortica e pulmonar) provocando a chamada cardiopatia reumatica que se caracteriza clinicamente pela presenca de sopros sistolicos ou diastolicos quando se ausculta os ruidos cardiacos.
Nao existe a possibilidade de cardiopatia reumatica, sem que anteriormente haja o antecedente de febre reumatica.
O que pode existir sao alteracoes valvulares causadas por outro fator que deve ser estudado.  (+ info)

Qual a diferença entre cardiopatia hipertensiva e doença vascular hipertensiva?


Se possivel mandem as fontes!!!!
----------

Doença vascular: a constante exposição dos vasos à hipertensão pode levar a lesão das paredes desses vasos, o que gera um processo inflamatório e a aderência de coágulos de sangue, formando trombos. Esses trombos podem obstruir o vaso e provocar varizes, isquemia (isquemia é quando uma parte do corpo não recebe oxigênio suficiente), embolias (quando um trombo se desprende e vai grudar de novo em outro vaso, como por exemplo um vaso cerebral) e muitos outros problemas.
Cardiopatia: a hipertensão gera uma dificuldade maior pro coração bombear sangue, o que desencadeia uma série de processos complexos (impossíveis de serem totalmente esplicados aqui)e pode resultar na incapacidade do coração de bombear o sangue para o corpo, surgindo então a insuficiência cardíaca, uma doença séria que, se não tratada, frequentemente leva a morte rapidamente.
Este assunto é muito complexo e extenso, então se você quiser realmente entender o que acontece procure um livro de medicina, como o Medicina Interna (Harrison), ou algum livro de cardiologia. A internet na maioria das vezes não é confiável...
Espero ter ajudado
Abraços  (+ info)

Sindrome de Wolf Parkinson White é considerada cardiopatia grave ?


Sou portador de SWPW
----------

Olá olimpio

Espero que você esteja sem sintomas, mas infelizmente a sindrome de WPW é considerada uma doença grave sim quando não há tratamento adequado.
A principal manifestação da doença são arritmias e os sintomas são palpitações e pode chegar a desmaiar e ter morte súbita.
Você deve acompanhar com um cardiologista ( especialmente um ritimologista), assim pode-se fazer o tratamento adequado e você pode conseguir a cura.
Boa sorte, abço  (+ info)

insuficiencia aotica severa se enquadrar na cardiopatia grave e se tem direito a aposentadoria por invalidez?


NÃO existe um diagnóstico que dá direito a benefício previdênciário.O que existe a doença em determinada pessoa que a torna incapaz para exercer DETERMINADA função ou exercício profissional.Se fosse assim não necessitaria de perito já que um bom computador abastecido de informações técnicas e objetivas daria conta do recado,e não precisaríamos de ter um bando de profissionais para fazer julgamento.CADA caso é um caso e pode,se este for seu caso,pela gravidade ser perfeitamente enquadrado,repito PODE,mas só a valiação pericial vai determinar.Caso voce não concorde pode solicitar revisão,ainda na esfera administrativa.E se assim não ficar satisfeito resta a justiça.Já tive dois infartos,sou diabético ,tenho tempo para aposentar e nem por isto estou atrás de benefício,que repito,posso requerer por direito.trabalhar faz bem para a ALMA.  (+ info)

O QUE QUER DIZER A FUNÇÃO CONTRÁTIL EM REPOUSO NÃO AFASTA CARDIOPATIA ISQUêMICA?


Isto é resultado de um exame do coração (ou eletro ou eco, certo?).

"função contrátil em repouso" = modo como o coração se contrai sem ser estimulado por exercício ou medicamentos que visam aumentar a frequência cardíaca.
"miocardiopatia isquêmica" = infarto.

Ou seja -- Quer dizer que pelo modo como o músculo do coração se contrai a cada batida não se pode excluir a possibilidade de infarto.

Explicando: o coração é um grande músculo, que se contrai a cada batida. Num infarto, alguns vasinhos de sangue que nutrem esse músculo se fecham, e algumas partes do músculo acabam ficando lesadas. Quando o infarto é pequeno, o coração continua batendo quase normalmente pois a maior parte do músculo ainda está saudável. Se o infarto for maior e uma grande parte do músculo do coração acabar morrendo pela falta de sangue, talvez o restante do músculo saudável não dê conta de contrair todo o órgão, e a pessoa acaba morrendo (infarto fulminante).  (+ info)

A hipertrofia do ventriculo esquerdo, isquemia sub-epicardica lateral, pode ser considerada cardiopatia grave?


Claro.

Vc tem isso? ... umm ... Pode escolher a melhor resposta logo?  (+ info)

Hemograma completo com rdw alterado e chcm diminuido criança com CIA cardiopatia congenita?


me ajudem. tenho uma filha de um ano ela tem CIA ela tem 2 médicas uma que é a PEDIATRA DELA E A OUTRA QUE É A CARDIOLOGISTA neste mes agora passei pela cardio ela pediu eco mais exame de sangue no exame de sangue deu
HEMACIAS 5.30
HEMOGLOBINA 12.1
HEMATOCRITO 38.4
VCM 72.4
HCM 22.8
CHCM 31.6
RDW 18.0
OBS: ANICITOSE COM MICROCITOSE LEVE E HIPOCROMIA
A CARDIO ME DISSE QUE ESTA TUDO BEM E NÃO RECEITOU NADA MAS , POIS PESQUISEI NA NET E VI Q NÃO É NORMAL SERA QUE DEVO LEVAR ESSES EXAMES PARA A PEDIATRA AVALIAR ME AJUDEM DEVO ME PREOCUPAR.

* 16 minutos atrás
* - 4 dias restante(s) para responder.

Detalhes Adicionais
A cardio da minha filha é muito novinho por isso a minha dúvida e ela é a unica cardio infantiu da minha cida de
----------

Amiga, você deve levar o resultado do exame para a pediatra da sua filha sim. Boa sorte.  (+ info)

estou com cardiopatia dilatada meu medico pediu que parace minhas atividades durante o tratamento?


mas não quero parar
alguem expert no assunto poderia me aconcelhar no que fazer
----------

Não acredito que você está querendo ignorar seu médico. Eu infartei com 34 anos, do nada, sem nenhum sintoma anterior. Você está tendo um sintoma. Cuide-se, cuide-se muito, nada é mais precioso do que a sua própia vida. Estarei orando por você, amigo. Que Deus te cubra com sua infindável sabedoria, que aumente cada dia mais sua auto-estima e seu amor próprio, e que você consiga encontar prazer em atividades que não lhe sobrecarreguem o coração - como escrever aqui no Yahoo respostas, por exemplo.
Abraços!
Patrícia  (+ info)

Tromboangeite Obliterante (TAO) pode ser considerada uma Cardiopatia Grave?


Meu marido faleceu de um enfarto do miocárdio.Ele sofria de tromboangeite obliterante e faleceu aos 47 anos. Foi jogando bola e levando uma pisada no dedão do pé que descobrimos a doença.Não houve necessidade de amputação do dedo nem do pé porque,apesar de sentir dores quando tocado o dedo,a ferida cicatrizou.Minha pergunta é a seguinte: Essa doença,TAO,causa infarto fulminante? Ela é,realmente,causada pelo cigarro? Pode ser considerada uma Cardiopatia Grave?
----------

Greenrj S
Boa tarde!!!
td bem?!?!?

TAO: Tromboangeíte obliterante, é uma patologia inflamatória oclusiva segmentar das artérias e veias, com trombose e recanalização dos vasos afectados.

Isso acima é somente um conceito, quanto a sua dúvida propriamente dita vou tentar elucidá-la.

Conforme o conceito abordado acima, nessa doença ocorre formação de trombos em diversas artérias e veias do organismo, mas vc pode me perguntar: "Dr o que são trombos?", eu costumo dizer que trombos são elementos do sangue (plaquetas) que ficam unidos e formam uma espécie de massa (ou no popular: uma estrutura em forma de "bolinha" por exemplo) estes trombos ficam grudados nas paredes dos vasos sanguineos, imagine como se fosse uma "bolinha" de pêlo que fica grudado em uma "roupa velha" por exemplo.. é mais ou menos isso que os trombos são.
A origem desses trombos podem ser por causa de aterosclerose, de inflamação (TAO), trauma etc.
Vamos fazer um exercício de imaginação, seria tudo muito simples se os trombos só se formassem por exemplo na "perna direita", pronto.... amputa-se a perna e está tudo resolvido certo???
ERRADO: essa doença é de origem vascular (e não do coração) acontece que temos vasos em todas as partes do nosso corpo, seria muita ingenuidade nossa acreditar que ocorreria somente na perna direita, mas, ela ocorre em qualquer lugar do corpo que tenha um vaso sangúineo.
Seu marido faleceu, por Infarto agudo do miocárdio (IAM) acontece que estes trombos poderiam ter se formado nas artérias coronárias e levado ao IAM. se por acaso tivessem se originado na artéria carótida, poderiam ter levado a um Derrame (AVCi) e assim suscetivamente. vc me entende?
Conforme respondi anteriormente os trombos podem ter levado ao IAM (poderia ser devido a TAO ou a uma doença aterosclerótica)
Sim esta inflamação TAO , é causada pelo consumo do cigarro, inclusive nos maços de cigarro, existem fotos de pacientes com TAO, submetidos a cirurgia de amputação de membros.
Não a consideraria uma cardiopatia, mas sim, consideraria como uma potencial causa (ênfase no causa) de cardiopatia grave.
Espero ter ajudado
Abço
Rhuam  (+ info)

Minha mãe está com 90 anos e tem cardiopatia isquemica. Tem apresentado alterações de humor graves.?


e tem apresentado alterações de humor intensas. Insiste em morar sozinha, esquece panelas no fogão ligado, lapsos de memória. Não aceita ser levada a um neurologista para verificar o avanço da isquemia cerebral. O que fazer
----------

Bom dia!

Realmente, neste caso, é necessário o acompanhamento médico. Cardiopatia isquêmica pode comprometer também a oxigenação em outros tecidos, inclusive o cérebro (encéfalo), o que pode explicar em parte as alterações de humor e esquecimentos. Entretanto, devido à idade, isto pode estar mesclado (misturado) com outras doenças comuns na faixa etária (Exemplo: Alzheimer), ou mesmo, Depressão (negando os cuidados a si mesma).

Sugiro que orientem sua mãe (de repente amigos e amigas dela, já que não aceita ajuda da família), ou mesmo participar de palestras sobre o assunto, tentar provar que é necessário ela ir ao médico.
A propósito, ela já faz acompanhamento com Cardiologista, certo?

Agora, quanto ao morar sozinha, depende do grau de comprometimento dela, às vezes é possível, por exemplo, contratar uma cuidadora para acompanhá-la, às vezes até alguém que aceite dormir na residência (de preferência com referências pessoais).
Talvez serviço de HomeCare pudesse ajudar também, com serviço de enfermagem. Tudo depende do grau em que ela se encontra. Por isso é realmente necessário acompanhamento profissional para poder identificar essas necessidades e propor estratégias junto com a família.

Espero ter ajudado.

Atenciosamente,

Dr. Bruno Murilo (Fisioterapeuta Acupunturista)  (+ info)

1  2  3  4  5  

Deixa uma mensagem sobre 'Cardiopatia Reumática'


Não avalia ou garante a precisão de qualquer conteúdo deste site. Clique aqui para ler o termo de responsabilidade.