infecção bacteriana autolimitada dos nódulos linfáticos regionais, causada por "afipia felis" (bactéria Gram-negativa recentemente identificada pelo Centro de Prevenção e Controle de Doenças) e "bartonella henselae". Normalmente surge uma ou duas semanas após a arranhadura de um felino, a qual produz nódulos inflamatórios elevados no local, que caracterizam os primeiros sintomas.


Deixa uma mensagem sobre 'Doença da Arranhadura de Gato'


Não avalia ou garante a precisão de qualquer conteúdo deste site. Clique aqui para ler o termo de responsabilidade.